7.5.07

O puzzle

Who said
broken pieces don't mend

I say

I say to think again

(Grow, Kubb)


A blogosfera tem destas coisas. Fui apanhado no meio de uma corrente. Manda a prudência não esbracejar, não contrariar e deixarmo-nos ir. Foi o que fiz, caro Pinguim. Se a intenção do desafio era descobrir um pouco mais de mim, repto aceite. Fico só curioso em saber que traço, ou traços, de carácter podem ser presumidos a partir das minhas respostas.


Se fosse uma hora do dia, seria o lusco-fusco.
Se fosse um astro, seria um cometa, um vagabundo no espaço.
Se fosse uma direcção, por ser desnorteado, seria o Sul.











Se fosse um móvel, seria a poltrona Egg de Arne Jacobsen.






Se fosse um líquido, seria a água da chuva.
Se fosse um pecado, seria ― já sou ― a preguiça.
Se fosse uma pedra, seria o travertino, que envelhece bem.
Se fosse uma árvore, seria um sobreiro, porque cresci com um por perto.








Se fosse um fruto, seria um figo, porque me lembra o Verão e o meu avô materno.







Se fosse um clima, seria temperado, com todas as estações.







Se fosse uma flor, seria um jarro ou um lótus.







Se fosse um instrumento musical, seria um violoncelo.
Se fosse um elemento, seria ― e sou por signo ― ar.
Se fosse uma cor, seria azul-indigo.

Se fosse um animal, voltaria a ser um Homem, o único capaz de se defender dos outros homens.

Se fosse um som, seria a ilusão do mar dentro de um búzio.

Se fosse uma música, numa noite de amor seria
Dance me to the end of Love, de Leonard Cohen; numa noite solitária de tempestade seria A Morte e a Donzela, de Schubert.
Se fosse um sentimento, seria cumplicidade, a base de tudo.

Se fosse um livro, seria
Divina Comédia, de Dante.
Se fosse uma comida, seria o Bacalhau com Broa do Pap’Açorda.

Se fosse um lugar, seria, de preferência, um onde tenha sido feliz.

Se fosse um gosto, seria acidulado

Se fosse um cheiro, seria Lúcia-lima (erva-limão) ao amanhecer, canela ao entardecer, e cheiro a terra molhada ao anoitecer.

Se fosse uma palavra, seria DIGNIDADE.

Se fosse um verbo, seria VIAJAR, porque a vida é uma grande viagem.

Se fosse um objecto, seria um talismã.

Se fosse uma peça de roupa, seria uma camisa preta Gucci que tenho no armário e me intimida.

Se fosse uma parte do corpo, seria a pele, o maior órgão e também um dos mais sensoriais.

Se fosse uma expressão facial, seria um olhar de provocação.

Se fosse uma personagem de banda-desenhada, seria Corto Maltese, o marinheiro errante.












Se fosse um filme, seria Il Gattopardo (O Leopardo), de Luchino Visconti.


Se fosse uma forma, seria uma elipse.
Se fosse um número, seria o 6.

Se fosse uma estação, seria a Primavera.

Se fosse uma frase, neste momento seria”Pobre do Homem cujos prazeres dependem da aprovação alheia” (Madonna
dixit).

-------------------------------------------------

Post scriptum: esqueci-me que uma das regras deste desafio é passar a outros e não aos mesmos. Pois as minhas vítimas são:

Edu-Beijo; Bluebob-Mr. Hyde; Ricardo-O que me define; Moura ao Luar; Latinha-Tin Man. Toca a responder.

17 comentários:

BlueBob disse...

Uauuuuu! Gostei das respostas Oz! E gostei ainda mais do desafio. Interessante. Instigante. Revelador.

Boa semana!


Bjs

BlueBob disse...

Esqueci. Meu amigo, vc nao teria que escolher novas vítimas para o desafio?????

Tin Man disse...

Adorei as respostas... espero que tenha tido um ótimo final de semana e principalmente que a semana que amanhã se inicia seja ainda melhor!

Grande Abraço!

Will disse...

Os figos também me recordam a infância, quando passava férias com a minha avó materna...

Pralaya disse...

Estou a ver que estiveram a desafiar uns aos outros...
as respostas são engraçadas podem dizer-nos algo de pessoas que só conhecemos virtualmente, torna essas mesmas pessoas mais humanas.

Edu disse...

Como diria o Manoel da padaria: ai, jizúis! Vou pensar no teu caso. Já respostas mais inspiradas que as tuas, acho difícil!!

Beijo!

Tin Man disse...

Fico com o Edu nessa, depois de tuas respostas e quase uma "missão impossível"!!!

Mas fico honrado pelo convite!!
Já vou começar a pensar..

Grande semana para ti!!!

Lover disse...

Fantástico... És no mínimo rebelde, pelo que li... e gostei claro... só mostra personalidade e o que mais falta neste mundo é gente com persona...
Abração grande pra ti e gostei imenso do 'marinheiro errante'...lool! Identifiquei-me! lol...

Menino G disse...


Os figos parecem testículos...

Gostei, especialmente da sua resposta sobre o lugar:

"Se fosse um lugar, seria, de preferência, um onde tenha sido feliz."

Acho estranho quando as pessoas tentam dar definições abstratas das suas vidas comparando-as com coisas, sempre fica algo fora do lugar, algo distoa da real imagem que temos dela. Mas vc realmente parece acertar, ser assim um número 6.

Abraços.

edu disse...

Figos e testículos? Opa, acho que vou ter que começar a gostar dessa fruta!

Garfield: pelo menos no formato/peso eu tô chegando lá!! :-)

Cs disse...

Engraçado...Ao fim de algum tempo, (in)conscientemente vamos fazendo um "desenho" da pessoa que está atrás das letras... Este post foi um aperfeiçoar de traços :)

Boa semana!

FOXX disse...

o bob
tb me amaldiçoou


=]

Ricardo disse...

Menino, vc é um poeta!!!
Como vc quer me dar uma tarefa tão hercúlea quanto fazer algo tão perfeito!!

E quer saber, vc mais me despertou a curiosidade que saciou-a!!!

Beijão!

pinguim disse...

Amigo Oz
a tuas respostas estão perfeitamente enquadradas no "figurino" que tenho de ti, e por isso acho este "jogo2 realmente nuito curioso e enriquecedor; gostaria muito de te conhecer um dia.
Abraço forte.

van disse...

Oi,chegando e conhecendo,gostando.(verdade que já te leio um bom tempo),mas só agora me manifesto e me encorajo para abrir um blog.Tudo simples...meio...meio...transgressor(sei lá..)é vontade de ir partilhando ideias.Deixando o vulcão sair...falar ajuda a nao enlouquecererr.

Poison disse...

Adorei!!!
Muito interessante!!!
Estou de volta... de novo!!!
Abraços!!!

Dourado disse...

Criatividade, hem?